Av. Senador Lemos, Umarizal, Belém/Pará
Uso de smartphone à noite reduz produtividade, diz pesquisa
Page/Post Excerpt


Usar o smartphone para trabalhar à noite pode tornar os profissionais menos produtivos no dia seguinte, segundo uma pesquisa da Universidade do Estado de Michigan, nos Estados Unidos.

Ao analisar uma amostra de trabalhadores americanos, o pesquisador Russel Johnson e seus colegas descobriram que as pessoas que usavam seus smartphones para fins de trabalho depois das 21h ficavam mais cansadas e menos engajadas no dia de trabalho seguinte.

“Os celulares nos mantêm mentalmente envolvidos até tarde da noite e tornam difícil pausar o trabalho para que possamos relaxar e dormir”, disse Johnson, em nota.

Mais da metade dos adultos norte-americanos possuem um smartphone. Segundo Johnson, alguns o consideram um dos instrumentos mais importantes já inventados quando se trata de aumentar a produtividade do trabalho.

O estudo também mostra que o uso de smartphones tem efeitos mais nocivos do que os da televisão ou outros dispositivos eletrônicos. Um dos motivos é a emissão da “luz azul”, que parece ser a mais perturbadora e dificulta a produção de uma substância química que promove o sono no organismo.

Desligar o celular é uma opção, mas nem sempre é possível.

“Podem existir momentos em que adiar o trabalho até o dia seguinte teria consequências desastrosas e usar o smartphone vale a pena. Mas, em muitas outras noites, mais sono pode ser a melhor aposta”, diz Johnson.

Deixe um comentário

Preferências de Privacidade
Quando você visita nosso site, ele pode armazenar informações através de seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui você pode alterar suas preferências de privacidade. Observe que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência em nosso site e nos serviços que oferecemos.