Av. Senador Lemos, Umarizal, Belém/Pará

Para contratar 70 estagiários, empresa oferece 5 mil bolsas de estudo

A empresa procura por estudantes da área de tecnologia e computação de qualquer lugar do Brasil; e não é necessário ter conhecimento prévio de programação


(Hero Images/Getty Images)

A GFT abriu vagas para 70 estudantes em seu programa de estágio e vai oferecer um curso gratuito de programação para cinco mil candidatos. A iniciativa, em parceria com a plataforma de educação Digital Innovation One, está aberta para estudantes universitários de qualquer lugar do Brasil.

Segundo a diretora de Recursos Humanos da GFT, Fernanda Santos, a ideia é que o programa de seleção seja uma oportunidade de aprendizado, e ainda colabore para o mercado de tecnologia da informação no Brasil.

“Oferecendo 5 mil bolsas de estudo, mesmo os participantes não selecionados para as 70 vagas de estágio, saem do processo com conhecimentos e aprendizados que podem usar em outras seleções e empresas”, explica ela.

No programa da GFT, a primeira fase do processo é o bootcamp de programação. Os estudantes devem concluir o curso de 40 horas que vai do básico ao avançado em Java e .NET (C#), além de abordar outras tecnologias como HTML, JavaScript e CSS. Depois, há uma dinâmica de grupo e uma entrevista individual.

De acordo com a diretora de RH, não é necessário que os candidatos tenham qualquer conhecimento técnico prévio para realizar o curso. “Toda a base de tecnologia e programação será realizada por meio das aulas da Digital Innovation One”, explica ela.

A empresa busca por estudantes das áreas de tecnologia, engenharia, ciência da computação e matemática ou pessoas que estão em transição de carreira. Com o novo modelo de seleção, a empresa também busca estimular a presença de diversidade entre os candidatos.

Iglá Generoso, CEO e fundador da Digital Innovation One fala que o modelo ajudará todos os candidatos a entrarem no processo com o mesmo nível de conhecimento, independente da instituição de ensino que estejam cursando.

“É um processo humanizado com grande impacto social que nos ajuda a identificar rapidamente os melhores talentos durante a jornada de aprendizado, ao mesmo tempo que cria condições para os candidatos que não forem aprovados nesse momento, se preparar para futuras oportunidades da área de TI”, diz o CEO.

O programa tem inscrições abertas até o dia 24 de janeiro pelo site. E a empresa também conta com mais de 280 vagas de emprego para profissionais formados em tecnologia da informação das áreas de desenvolvimento e arquitetura de software, Data e Cloud. Confira aqui.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

Preferências de Privacidade
Quando você visita nosso site, ele pode armazenar informações através de seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui você pode alterar suas preferências de privacidade. Observe que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência em nosso site e nos serviços que oferecemos.