Av. Senador Lemos, Umarizal, Belém/Pará

Bancária do Santander é chamada de burra ao engravidar e banco é condenado

De acordo com uma testemunha, a funcionária anunciou que estava grávida e ouviu da gerente que 'estava assinando um contrato de burrice'


A 2ª Turma do Tribunal Superior do Trabalho manteve condenação por danos morais ao Banco Santander a uma bancária que foi chamada de ‘burra’ pela gerente por ter engravidado.

De acordo com uma testemunha, a funcionária anunciou que estava grávida e ouviu da gerente que ‘estava assinando um contrato de burrice’.

A relatora do recurso de revista, ministra Maria Helena Mallmann, aumentou o valor da condenação de R$ 15 mil para R$ 30 mil ‘para ajustar a decisão aos parâmetros da razoabilidade e da proporcionalidade’.

Para a ministra, ‘ficou demonstrado que o abalo psicológico relacionado à gravidez decorreu da atitude da empresa, por meio de sua superior hierárquica’.

“A condenação arbitrada pelo TRT da 3ª Região (MG) foi ‘demasiadamente módica’ para reparar o abalo e desestimular as ações ilícitas da empresa e de seus prepostos”, considerou Maria Helena Mallmann.

De acordo com uma testemunha, a funcionária, de uma agência bancária de Varginha (MG) informou, durante uma reunião, que estava grávida, e ouviu da gerente que ‘estava assinando um contrato de burrice’, pois a gravidez atrapalharia sua ascensão profissional e que ela ‘não teria estrutura para gerar um filho’.

A funcionária continuou no banco até 2012, quando pediu demissão. Um ano depois, entrou com a reclamação trabalhista e o pedido de indenização.

Vexame

A Justiça em Varginha considerou que a conduta ‘antijurídica’ da gerente causou ‘vexame, dor e constrangimento’ à bancária em razão da gravidez. A reparação foi fixada em R$ 10 mil, mas o Tribunal Regional do Trabalho da 3.ª Região aumentou o valor para R$ 15 mil.

Com a palavra, o Banco Santander

A reportagem aguarda o posicionamento do banco. O espaço está aberto para manifestação.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

Preferências de Privacidade
Quando você visita nosso site, ele pode armazenar informações através de seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui você pode alterar suas preferências de privacidade. Observe que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência em nosso site e nos serviços que oferecemos.