Av. Senador Lemos, Umarizal, Belém/Pará

Associação Brasa oferece bolsas para jovens negros estudarem fora

Associação que conta com mais de 9.000 brasileiros em 90 universidades ao redor do mundo agora lança bolsas exclusivas para negros


(Arquivo/Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

A associação de estudantes brasileiros no exterior BRASA está lançando uma iniciativa de bolsas de estudo fora do país para jovens negros. O programa BRASA Black Honors tem o objetivo de contribuir para uma melhor representatividade, com a comunidade negra ocupando cada vez mais cargos de destaque e liderança no Brasil.

A ação se dá em meio aos demais trabalhos da associação, que oferece um programa de bolsas para que jovens brasileiros de baixa renda possam realizar o sonho de cursar graduação completa no exterior e contribuir para o desenvolvimento de um Brasil melhor. Atualmente são mais de 9.000 brasileiros em 90 universidades ao redor do mundo.

“Lideranças negras brasileiras representam 29% dos cargos gerenciais do Brasil e 24% dos deputados federais eleitos. Por que números tão baixos? A desigualdade é um problema histórico no Brasil e negros representam 76% dos 10% mais pobres do país. A BRASA ambiciona, através do programa BRASA Black Honors, contribuir para mudar essas estatísticas, gerando mais oportunidades para os futuros líderes negros brasileiros”, diz Elene Marques, gerente do BRASA Blacks.

Programa

O BRASA Black Honors é um programa de bolsas e de desenvolvimento de liderança exclusivo para estudantes negros comprometidos com o empoderamento da comunidade negra brasileira e que tenham sido aceitos ou estejam realizando um curso de graduação completa no exterior.

Dentre os benefícios do programa estão: o desenvolvimento de habilidades socioemocionais e profissionais, por meio de treinamentos, mentorias com profissionais e workshops, objetivando a realização de estágio ou pesquisa em suas áreas de atuação ou de interesse; conexão com líderes negros brasileiros que promovem impactos positivos na comunidade negra do Brasil; acompanhamento psicológico durantes suas jornadas de estudos; conexão com grupos de empoderamento negros em suas universidades e mais.

“Criamos o BRASA Black Honors para que negros e negras ocupando cargos de destaque não seja uma situação nova ou que cause espanto. Para construirmos um país melhor, as lideranças brasileiras precisam ser representativas, e o nosso programa espera mudar as estatísticas atuais do Brasil com mais CEOs, fundadores, pesquisadores, e quem sabe até presidentes pertencentes a comunidade afro-brasileira”, diz Marques.

As inscrições seguem até 1 de maio no site da BRASA.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

Preferências de Privacidade
Quando você visita nosso site, ele pode armazenar informações através de seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui você pode alterar suas preferências de privacidade. Observe que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência em nosso site e nos serviços que oferecemos.